quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Senado aprova indicação de Alexandre de Moraes ao STF



O plenário do Senado aprovou por  55 votos a favor e 13 contra, a indicação do jurista Alexandre de Moraes ao cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). A votação começou às 11h (horário de Brasília). Antes da votação, Moraes foi submetido, na terça-feira (21), a uma sabatina na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa. Na comissão, a indicação de Moraes foi aprovada com 19 votos favoráveis e 7 contrários.
Moraes vai ocupar a vaga deixada por Teori Zavascki, morto em um acidente aéreo em Paraty (RJ), em janeiro deste ano, e será o 27º ministro do STF no período democrático.
O NOVO MINISTRO - O jurista Alexandre de Moraes, de 49 anos, é o novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). O nome do ministro da Justiça licenciado foi aprovado hoje (22), pelo plenário do Senado para a vaga deixada  por Teori Zavascki, que morreu em janeiro em um acidente aéreo em Paraty (RJ). Pela legislação atual, um ministro do Supremo pode ocupar uma cadeira no tribunal até completar 75 anos, quando tem de de se aposentar.

FONTE: AGÊNCIA BRASIL

CLÍNICA ESCOLA - Cathedral tem atendimento gratuito de fisioterapia uroginecológica



A Faculdade Cathedral oferece atendimento gratuito na área de fisioterapia uroginecológica. Os serviços são prestados por profissionais e estudantes do ambulatório em uroginecologia da Clínica Escola em Fisioterapia da instituição. Em funcionamento desde o início deste mês, são oferecidas sessões para ajudar pacientes com disfunções do assoalho pélvico como as incontinências urinárias e fecais e prolapsos genitais (conhecida como bexiga caída).
A supervisora do estágio de ginecologia e obstetrícia, Francieli Romano, lembrou que esse é o primeiro ambulatório no Estado que faz atendimento nesta área. “Trata-se do único atendimento fisioterapêutico gratuito nas disfunções pélvicas em Roraima”, enfatizou. O serviço é ofertado em parceria com o Centro de Referência da Mulher, que encaminha as pacientes para o ambulatório.
“Assim como o ambulatório de uroginecologia, também oferecemos assistência obstétrica fisioterapêutica durante o pré-natal, em que as gestantes são acompanhadas toda a semana, realizando exercícios para proporcionar uma gestação, parto e puerpério mais saudáveis”, disse. A estimativa é fazer 72 atendimentos semanais, sendo 60 somente de gestantes.
O local possui toda estrutura necessária para atender as pacientes. “Temos um ambulatório completo com equipamentos (aparelhos e sondas), bolas suíças para realizar tanto a eletroestimulação como a cinesioterapia. Todos esses trabalhos são apoiados pelo presidente Haroldo Cathedral, que nos incentiva a sempre oferecer o melhor atendimento para a comunidade”, frisou Francieli.
A avaliação é agendada na clínica de Fisioterapia da Faculdade Cathedral, no bairro Caçari, e os atendimentos são de terça a sexta-feira, das 9h às 12 horas. Para auxiliar nos atendimentos, o ambulatório conta com sete acadêmicos do 10º semestre do curso de fisioterapia. A coordenadora de Fisioterapia, Denise Rasia, ressaltou que a área de atendimento é ampla. “Este serviço é singular porque não se restringe somente ao atendimento de gestantes, sua atuação é mais ampla, uma vez que são ofertados também na área de uroginecologia”, disse.
A professora Eliane Oliveira, 50 anos, precisava de atendimento uroginecológico e assim que começou procurar foi logo atendida. “Foi uma amiga que me indicou o serviço aqui. Ótima iniciativa, uma alternativa muito bem-vinda, especialmente para aquelas pessoas mais necessitadas e que sofrem com problemas assim”, comentou.
Vânia Castro, 30 anos, está grávida do primeiro filho e faz estimulação para parto normal. Como a gravidez é de alto risco, ela buscou atendimento no Centro de Referência da Mulher e de lá foi encaminhada para o ambulatório. “Me indicaram fazer essas estimulações por aqui. Estou gostando muito. É um projeto muito viável para as grávidas que passam por esse processo de alto risco, até para se sentirem melhor, mais seguras”, disse.

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Instituto Nacional da Propriedade Industrial registra primeira patente da UFRR



Uma pesquisa desenvolvida pelo curso de Agronomia da Universidade Federal de Roraima (UFRR) resultou na primeira patente registrada a partir de trabalhos científicos realizados na instituição. Coordenada pelo professor doutor Guido Nunes Lopes, a invenção beneficiará a agricultura familiar a partir da produção de biomassa de forma barata e acessível.
O trabalho, intitulado “Carbonizador cônico conjugado com módulo de extração de pirolenhoso para biomassa de interesse agronômico”, teve a patente oficializada neste mês de fevereiro pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI). O projeto foi registrado com o apoio do Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT) da UFRR, setor encarregado de prestar auxílio aos pesquisadores do Estado.
Conforme o professor Guido Nunes, o objetivo foi desenvolver um dispositivo simples e de fácil utilização ergométrica para a produção de biomassa carbonizada com extração simultânea de extrato pirolenhoso. Este tipo de produto é utilizado na agricultura familiar em países como a China, Índia e Japão, por exemplo, como fertilizante do solo.
“Um dos elementos motivadores para desenvolver o equipamento foi a agricultura familiar, porque vários dos nossos alunos ou são indígenas ou são da agricultura familiar. Então uma das características básicas foi fazer algo não muito sofisticado, para otimizar o custo, utilizar materiais disponíveis e manter a eficiência dos processos”, explica o inventor.
O coordenador do NIT/UFRR, professor mestre Rubens Savaris, aponta a relevância histórica e acadêmica que a patente trará para a UFRR. “A invenção traz benefícios para toda a sociedade roraimense e a região Norte, colocando a nossa universidade entre as grandes do Brasil, porque demonstra que temos patente com produção de tecnologia, pesquisa e desenvolvimento”.
Para o reitor da UFRR, professor doutor Jefferson Fernandes, a patente beneficia toda a instituição. “É uma alegria muito grande ver que um investimento que a Universidade vem fazendo, principalmente na capacitação e na qualificação do seu corpo docente, começa a dar resultados que a gente considera fundamentais para elevar a nossa instituição a um patamar de destaque no ranking e no cenário da pesquisa científica”, destaca.
O professor Guido Nunes explica que a invenção utiliza a carbonização sem utilização de oxigênio, o que permite decompor termicamente biomassas como, por exemplo, a palha de arroz. “Nesse processo da carbonização, a fumaça traz muitos produtos para a gente. É a partir da fumaça, quando essa fumaça é condensada, que se obtém o extrato pirolenhoso e também o alcatrão e o creosoto”, disse Guido Nunes.
Os produtos extraídos, segundo o professor, têm ampla utilização na agricultura como ativadores fisiológicos do solo ou fertilizantes e até mesmo para controle fitossanitário.
“A pesquisa é antiga e foi intensificada de 2015 para cá. Antes os trabalhos eram mais a nível teórico. A partir de 2015, diariamente, de segunda a sábado, um conjunto de alunos está trabalhando de forma prática no Centro de Ciências Agrárias da UFRR para o desenvolvimento do projeto, fazendo coletas para análise e preparação de amostras”, frisou o professor.

Currículo - Guido Nunes Lopes possui graduações em Licenciatura e em Bacharelado em Física pela Universidade Federal do Amazonas, mestrado em Física Básica pelo Instituto de Física de São Carlos da Universidade de São Paulo e doutorado em Ciências /Agronomia na área de Energia Nuclear na Agricultura pelo Centro de Energia Nuclear na Agricultura da Universidade de São Paulo.
É docente do Departamento de Solos e Engenharia Agrícola da Universidade Federal de Roraima e membro titular fundador da Academia Roraimense de Ciências. Tem experiência na área de Física Aplicada ao Ambiente Agrícola, com ênfase em Energia Nuclear na Agricultura, Sistemas de Informações, Avaliação da Conformidade e também em Editoração Eletrônica de Revistas Científicas.

1ª Brigada de Infantaria de Selva comemora a tomada de Monte Castelo.



Nesta terça-feira  21 de fevereiro a 1ª Brigada de Infantaria de Selva (1ª Bda Inf Sl) realizará uma solenidade alusiva a tomada de Monte Castelo. Na oportunidade será realizada uma formatura militar e logo em seguida uma palestra sobre o feito na 2ª Guerra Mundial. O evento contará com a presença de alunos do Colégio Militar e da Escola de Instrução Militar o Instituto Batista de Roraima, além do senhor Sebastião Paulino, ex-combatente da Força Expedicionária Brasileira (FEB).

Breve histórico da tomada de Monte Castelo - Em 21 de fevereiro de 1945, a FEB (Força Expedicionária Brasileira) realizou a sua mais importante conquista nos campos de batalha europeus: a tomada do Monte Castelo. Formada durante o governo Getúlio Vargas, a FEB era constituída de oficiais e voluntários que se alistaram com o intuito de poder ajudar as forças aliadas no combate ao nazi-fasciscimo na Europa. Os brasileiros, em sua maoiria, estavam despreperados para os conflitos e as forças nacionais receberam treinamento e mantimentos dos quartéis norte americanos. Foram enviados desde armamentos até uniformes, afinal, os brasileiros estavam acostumados a um clima tropical e suas vestimentas não eram adequadas para o rigoroso inverno europeu.
 A FEB estava subordinada ao 4o Corpo do 5o Exército americano e foi enviada para os campos de batalha na Itália para ajudar a conter o avanço das forças alemãs em direção à França. Antes da vitória final, em 21 de fevereiro, ocorreram outras três tentativas. O comando americano definiu que no dia 19 de fevereiro teria início a nova ofensiva que ficou conhecida como ?Operação Encore?. Nesta, a missão da força brasileira era tirar Monte Castelo do controle dos alemães, pois ele representava uma posição estratégica, já que se encontrava no caminho para Bolonha, cidade que representaria uma importante conquista para as forças aliadas. No dia 21, a FEB derrubou os alemães. A tomada do Monte Castelo ficou conhecida como a sua mais importante conquista.
 Alguns meses depois, em 8 de maio de 1945, a Alemanha se rendeu e, pelo menos em território europeu, a guerra chegou ao fim. Os pracinhas da FEB retornaram ao Brasil e aqui foram recebidos com muita festa. A segunda guerra só acabaria, no entanto, 4 meses mais tarde pois os japoneses ainda não haviam desistido e continuavam a jogar seus kamikazes contra os alvos inimigos. A crueldade do bombardeio atômico a Hiroshima e Nagasaki mostrou ao mundo o poder de fogo norte americano e os ataques desnecessários levaram à capitulação dos japoneses em 2 de setembro de 1945.


sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Rock in Rio 2017 — Público já pode escolher a data para o seu Rock in Rio Card




Quem comprou o Rock in Rio Card já pode escolher a data que quer ir ao festival. A escolha pode ser feita com prioridade para qualquer dia do Rock in Rio até o dia 05 de abril, após esse prazo o direito a escolha ficara  condicionado a disponibilidade. O processo é simples e online, através da ingresso.com. As pulseiras somente serão disponibilizadas após a conclusão deste processo.

O Novo Rock in Rio Card

Conforme adiantado pela organização do festival, em 2017 os ingressos serão substituídos por pulseiras com tecnologia RFID. Um novo produto, mais moderno e mais seguro. Com esta mudança, alguns ajustes foram feitos no processo do Rock in Rio Card. Quem já garantiu seu lugar no festival com antecedência, deverá escolher em que data deseja ir ao festival antes de receber a pulseira.
Entre 16/02 e 05/04/2017, quem comprou o Rock in Rio Card poderá escolher a data do festival com total prioridade e garantia de disponibilidade para qualquer dia de festival. A organização adianta que até o início de Abril as principais atrações já estarão divulgadas, uma garantia de tranquilidade para quem adquiriu o Card. No dia 06/04 acontecerá a venda oficial de ingressos. A partir daí, quem não tiver escolhido a data de seu Rock in Rio Card, passa a ter o seu lugar na Cidade do Rock sujeito a disponibilidade de cada dia.

Escolha de data é totalmente online e muito simples

O cliente deverá acessar o menu "Rock in Rio" em seu histórico de compras na Ingresso.com. Basta utilizar o mesmo cadastro da compra do Rock in Rio Card.
Depois de escolhida, a data não poderá ser alterada. A pulseira virá gravada com o dia do festival e não será mais válida para ser utilizada em nenhum outro.
Para clientes que compraram mais de um Card, a escolha de cada um deles pode ser feita em momentos diferentes, mas a organização alerta: as pulseiras somente serão disponibilizadas após a escolha da data de todos os Rock in Rio Cards atreladas a um mesmo pedido de compra.
Para quem optou por entrega em domicílio, o envio começará em março de 2017. Para quem escolheu retirar suas pulseiras, elas estarão disponíveis a partir de julho/2017, em local no Rio de Janeiro a ser divulgado em breve pela organização do festival. Mas este prazo está condicionado à escolha da data do festival.

Como foi a venda do Rock in Rio Card

Em Novembro de 2016 120 mil Rock in Rio Cards esgotaram em apenas 1:58h. A venda exclusivamente online foi restrita ao território brasileiro e atendeu os 27 estados. 40% das vendas vieram do Rio de Janeiro, 18% de São Paulo, e 42% dos outros estados.
Os compradores também apoiaram o projeto social Amazonia Live e doaram cerca de 20 mil árvores para o reflorestamento da Amazônia.
Venda oficial de ingressos marcada para 6 de abril
A venda oficial de ingressos para o Rock in Rio 2017 está marcada para o dia 6 de abril, às 19h e também será realizada exclusivamente através de ingresso.com.

A nova Cidade do Rock

O Rock in Rio 2017 será realizado nos dias 15, 16, 17, 21, 22, 23 e 24 de setembro, em uma nova Cidade do Rock. Esta ocupará parte do Parque Olímpico, com o dobro da área da antiga Cidade do Rock.
Dentre as melhorias, a organização destaca maior facilidade na circulação de público, nas operações de segurança, limpeza, acessibilidade para pessoas com mobilidade reduzida, além de mais banheiros, posições de atendimento nos bares e áreas de sombra. Os fãs também ganharão muito em termos de facilidade de acesso, com o sistema de transportes que foi testado com sucesso durante os Jogos Olímpicos 2016.

Organização prevê anuncio das atrações até início de abril

Assim como nas edições anteriores, a expectativa da organização do Rock in Rio é que até o início de abril as principais atrações estejam anunciadas.
Até o momento, os headliners de cinco dos sete dias de evento já foram anunciados: Lady Gaga, Maroon 5, Aerosmith, Bon Jovi e Red Hot Chili Peppers. No Palco Mundo também estão confirmadas as bandas 5 Seconds of Summer; Ivete Sangalo; Fergie e Billy Idol. Já para o Palco Sunset, foram divulgados o encontro de Ney Matogrosso + Nação Zumbi, além de CeeLo Green. Em breve novos nomes ganharão destaque.

Confira as datas das atrações já anunciadas para o festival

15 de setembro - 6ª feira
Palco Mundo:
- Lady Gaga (headliner)
- 5 Seconds of Summer
- Ivete Sangalo

16 de setembro - sábado
Palco Mundo:
- Maroon 5 (headliner)
- Fergie

21 de setembro - quinta-feira
Palco Mundo:
- Aerosmith (headliner)
- Billy Idol

22 de setembro - sexta-feira
Palco Mundo:
- Bon Jovi (headliner)

Palco Sunset:
- Ney Matogrosso + Nação Zumbi